São Gonçalo, 17 de Agosto de 2019

Nos pênaltis, Flamengo sofre mais uma eliminação e cai na Copa do Brasil
18/07/2019 13:46 em Novidades

Após desperdiçar três pênaltis, o Flamengo está eliminado da Copa do Brasil, com o Athletico classificando-se à semifinal. Na noite desta quarta-feira (17), no Maracanã, diante de quase 70 mil torcedores, o empate em 1 a 1 do jogo de ida foi repetido, com a vaga sendo definida nas penalidades.

Por Tadeu André

Foto: Alexandre Vidal / Flamengo

 

O Flamengo entrou em campo no Maracanã para aproveitar o fator casa, tentando garantir a vaga na semifinal da Copa do Brasil no tempo normal. O esquema montado pelo técnico Jorge Jesus fez com que o time jogasse mais ofensivamente, como aos sete minutos do primeiro tempo, quando Arrascaeta fez o goleiro Santos defender bem. O uruguaio saiu machucado e diminuiu consideravelmente o poderio ofensivo do ataque rubro-negro. Aos 15, a trave salvou o Athletico, em tentativa de Lincoln. Rony respondeu aos 29, mas o jogo foi ao intervalo sem gols.

No segundo tempo, o Flamengo passou a movimentar mais a bola no meio de campo. Com isto, abriu o marcador aos 16 minutos: após bela jogada de Vitinho que foi ao fundo e cruzou na área, Everton Ribeiro ajeitou de cabeça e Gabigol apareceu, tranquilo, para colocar os cariocas na frente: 1 a 0. Festa da torcida do Flamengo no Maracanã.

O Athletico então se lançou ao ataque em busca do empate e aos 31 minutos, chegou ao gol. Bruno Nazário achou Rony, que escapou em velocidade nas costas de Rafinha e mandou para o gol - o goleiro Diego Alves chegou a tocar na bola, que acabou estufando as redes do Flamengo: 1 a 1. Até o apito final do árbitro Wilton Pereira Sampaio, Rony arriscou mais uma vez para o Athletico, Diego ainda tentou para o Flamengo, mas o tempo normal acabou mesmo com o empate em 1 a 1, levando a disputa da vaga na semifinal para as penalidades.

Nas cobranças de pênaltis, deu Athletico. Quem abriu a série foi o Flamengo, com Diego, que foi displicente, batendo nas mãos do goleiro Santos, desperdiçando a tentativa - a terceira só esse ano na Gávea. Jonathan foi o primeiro a cobrar para os paranaenses e  converteu. Vitinho foi o segundo a cobrar para o Flamengo, mas isolou... Lucho González converteu para o Athletico, Cuéllar para o Flamengo, Bruno Nazário parou em Diego Alves, Everton Ribeiro parou no Santos, até Bruno Guimarães confirmar o 3 a 1 para o Athletico nos pênaltis, eliminando o Flamengo e se classificando à semifinal!

Após a classificação, os jogadores do Athletico fizeram o gesto característico do cheirinho, em pleno Maraca, para comemorar a classificação do Furacão.

Flamengo: Diego Alves; Rafinha (Rodinei), Léo Duarte, Rodrigo Caio e Renê; Willian Arão; Diego, De Arrascaeta (Vitinho) e Everton Ribeiro; Lincoln (Berrío) e Gabriel Barbosa. Técnico: Jorge Jesus.

Athletico (PR): Santos; Jonathan, Léo Pereira, Robson Bambu e Márcio Azevedo (Lucho González, 43'/2ºT); Wellington, Bruno Guimarães, Nikão (Bruno Nazário, 21'/2ºT), Rony e Marcelo Cirino (Vitinho, 38'/2ºT); Marco Ruben. Técnico: Fernando Santos.

 

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!

Seja um padrinho da Esporte Metropolitano! A partir de 1 real você nos ajuda a produzir o melhor conteúdo para você! Clique na imagem abaixo e saiba mais: