Volume
Rádio Offline
Redes
Sociais

São Gonçalo, 18 de Novembro de 2018

Difícil missão...
10/11/2018 02:41 em Novidades

Por: José Roberto Coutinho

Foto: Diego Guichard

 

Visando a permanência na primeira divisão, Vasco enfrenta Grêmio, no Sul, adversário que não vence fora de casa desde 2006

 

Já faz 12 anos do último triunfo vascaíno em Porto Alegre contra o Tricolor dos Pampas. Naquela ocasião, no dia 7 de maio de 2006, o treinador do Vasco era o atual do Grêmio, Renato Gaúcho. O Cruz-Maltino venceu por 2 a 1, com gols de Eder e Alberoni - Patrício marcou para os gremistas. O compromisso do próximo domingo (11) é de suma importância para as duas equipes. O aspecto negativo pesa em dobro para os cariocas, principalmente pela situação atual do clube na competição.

Com a vitória na última rodada, no clássico contra o Fluminense, a equipe comandada por Alberto Valentim chegou aos 38 pontos e decolou para a 13° posição. Historicamente, um time que alcança 46 pontos costuma ficar livre da zona da degola. Entretanto, a matemática não é exata neste caso. No ano passado, por exemplo, o Vitória livrou-se com 43 pontos, desconfigurando a tese. 

Nesta fase final, é impossível fugir dos cálculos e das probabilidades. Para não se complicar mais, porém, o Vasco não joga apenas contra o Grêmio, mas contra os números. De 2006 para cá, são 9 jogos, 7 vitórias para o Tricolor e 2 empates, uma invencibilidade gigante. A notícia que alivia o torcedor alvinegro é a de que no confronto de ida, pela rodada 14, os cariocas venceram por 1 a 0, gol marcado por Andrés Ríos.

Pelo lado visitante, os comandados de Renato Portaluppi estão focados em permanecer no G-4, o que garantiria a vaga direita na fase de grupos da Libertadores 2019. A próxima partida partida, inclusive, é a primeira após o caso Gallardo. Sem mais esperanças no torneio Sul-Americano, portanto, o Grêmio vai com força máxima para cumprir o objetivo principal (agora) da temporada.

Curiosidades:

Para alcançar a vitória e a quebra de um longo tabu, o Vasco conta com Maxi López. O argentino, que caiu como uma luva no elenco vascaíno, já vestiu as cores do Tricolor Gaúcho, em 2009. Por lá, foram 17 gols anotados. Oportunidade excelente para o cumprimento da famosa 'Lei do ex'. 

Pelo outro lado, Maicon, volante do Grêmio, fará seu jogo de número 150. Importante peça no meio-campo gremista, o capitão conquistou quatro títulos com a camisa do Imortal: Campeonato Gaúcho, Recopa, Libertadores e Copa do Brasil.

Prováveis escalações:

Grêmio: Paulo Victor, Léo Moura, Paulo Miranda, Pedro Geromel e Cortez; Maicon, Michel, Alisson  e Jean Pyerre; Everton e Jael. Técnico: Renato Gaúcho

Vasco da Gama: Martín Silva, Luiz Gustavo, Werley, Henríquez e Ramon; Willian Maranhão, Andrey, Yaho Pikachu, Marrony e Thiago Galhardo; Maxi López. Técnico: Alberto Valentim

 

O confronto está marcado para este domingo (11), às 17h, na Arena do Grêmio. Você vai poder acompanhar tudo aqui na Esporte Metropolitano!

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!