Volume
Redes
Sociais

São Gonçalo, 27 de Maio de 2018

Ainda dá! Americano vence a primeira na Série D e segue vivo na competição
14/05/2018 - 10h22 em Novidades

Jogando fora de casa, Alvinegro bate o Uberlândia (MG) por 3 a 2

 

Por Weliton Labarra

Foto: @Vitorsames 

 

O Americano entrou em campo neste domingo precisando da vitória para seguir vivo na Série D do Campeonato Brasileiro e ela veio de forma heróica. A equipe campista assegurou sua primeira vitória na competição nacional ao bater o Uberlândia (MG), fora de casa, pelo placar de 3 a 2, no Estádio do Parque do Sabiá e com isso se recuperou da derrota em casa na rodada passada para o próprio time mineiro.

A equipe carioca venceu com dois gols de Marquinhos e um de Fernando e ainda teve que segurar uma pressão no fim da partida onde brilhou o goleiro Luis Henrique que se destacou com grandes defesas. Com o resultado, o Alvinegro chegou ao quinto ponto no Grupo A13, ficando dois pontos atrás do líder Uberlândia e um ponto do segundo colocado Novorizontino.

Na próxima rodada, o Americano jogará em solo carioca contra o Atlético Itapemirim (ES) no Moacyrzão, no próximo sábado(19).

Marquinhos, duas vezes de pênalti, aos 24 minutos do primeiro tempo e aos 7’do segundo tempo. Fernando marcou o terceiro, aos 16, antes de Matheus Pimenta aos 10, descontar. Edmário ainda anotou o dele, aos 16, e a partir daí foi só pressão do time mineiro, com o Alvinegro se segurando como podia.

Com o triunfo, o Alvinegro chega a cinco pontos ganhos no Grupo A13 da Série D, dois atrás do próprio Uberlândia, que é o líder, e um a menos que o Novorizontino (SP), segundo colocado. O Americano volta a campo no próximo sábado, quando enfrenta o Atlético Itapemirim (ES) no Moacyrzão.

Uberlândia: Roni Turola; Carlinhos, Edmário, Rogério e Aírton; João Paulo, Arilson (Matheus Pimenta), Ewerton Maradona e Jarlan (Deivison); Tito (Diogo Peixoto) e Tiago Amaral. Técnico: Felipe Surian.

Americano: Luís Henrique; Admilton, Espinho e Ramon; Sanderson, Vandinho, Marquinhos, Fernando (Paulo Vitor) e Rafinha; Maikon Aquino (George) e Cláudio Maradona (Luan). Técnico: Josué Teixeira.

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!