Volume
Redes
Sociais

São Gonçalo, 20 de Junho de 2018

Emocionante: Goytacaz vira no apagar das luzes e ainda sonha com vaga a fase principal
10/01/2018 - 23h52 em Novidades

Márcio Carioca desencantou e foi o nome da partida

 

No encerramento da quarta rodada da Seletiva do Campeonato Carioca, Goytacaz e Resende entraram já sabendo dos outros resultados e só a vitória interessava para ambas equipes se quisesse sonhar com a classificação a fase principal. O Goytacaz conseguiu mais uma vitória heróica, dramática e com um gol no apagar das luzes ao vencer o Resende por 2 a 1 em um jogo tenso e emocionante no Estádio Aryzão nesta quarta-feira a noite.

E teve um jogador que foi muito cobrado durante a partida, mas acabou sendo o mais ovacionado no fim. O atacante Marcio Carioca desencantou e com faro de gol, fez as pazes ao marcar os dois tentos da vitórai do time campista, sendo que o mais importante saiu aos 53 minutos da etapa final.

Essa foi a segunda vitória consecutiva na fase preliminar onde o Goytacaz assumiu a terceira posição com sete pontos na tabela e ainda tem chances reais de classificação para a segunda fase. O Trovão Azul brigará com Macaé e Bonsucesso pela vaga. Na rodada final tem confronto direto com o Bonsucesso que tem seis pontos e se vencer terá que torcer por tropeço do Macaé que vai encarar o Resende.

Já o Resende, por sua vez, deu adeus a qualquer chances de chegar na fase principal. Com apenas três pontos, a equipe já se apronta para o Grupo X, onde tentará evitar o rebaixamento.

 

Jogo

Foi um jogo muito tenso e com fortes emoções do início ao fim. Apesar do apoio da sua torcida que invadiu o Aryzão, a equipe da Rua do Gás fez um primeiro tempo sem muita inspiração e viu o Resende muito mais presente no ataque criando lances de perigo ao gol de Paulo Henrique. As coisas pioraram ainda mais para o Goytacaz quando os visitantes saíram na frente com gol aos 15 minutos. Wandinho fez grande jogada e deu um passe na medida para Pingo, que não titubeou e fez o primeiro gol da partida.

Em desvantagem, o Alvianil seguia com dificuldades para furar a retranca do Resende e com o passar do tempo começava surgir algumas vaias por parte dos torcedores campista que não estava satisfeito com o rendimento da equipe e assim o visitante segurou como pôde, conseguindo levar a vantagem para o intervalo.

O segundo tempo tivemos muitas emoções onde o treinador Paulo Henrique colocou em campo Luquinha e Anderson Oliveira em busca de uma reação. As substituições deram certo e o Trovão Azul foi para cima até que  aos 20 minutos veio o empate, mas o árbitro Elton Azevedo anulou alegando irregularidade de Edson. A confusão foi formada, já que o juiz havia validado o lance, voltando atrás após a sinalização do assistente João Luiz Coelho Albuquerque.

Depois da parada técnica mais confusão. O Goytacaz reclamou de um pênalti e de mais um gol anulado pelo árbitro.Mais de tanto insistir, o Goyta empatou aos 27 minutos. O atacante Marcio Carioca, um dos mais contestado pela torcida no decorrer do jogo, desencantou ao marcar de pênalti o gol do empate.

A partida ganhou dramaticidade já que o empate era péssimo para ambas equipes. O Alvianil pressionou, mas esbarrava no goleiro Artur que fazia uma partida segura no gol. Aos 44, Artur foi expulso por reclamar da arbitragem. Como o Resende já tinha feito as três substituições, restava um jogador de linha ir para o gol e sobrou para o atacante Lohan. Com isso, o Goyta aproveitou a situação e aumentou ainda mais a pressão nos minutos finais, mas não obtinha sucesso. O gol salvador do Goytacaz veio no apagar das luzes. Aos 53 minutos,Márcio Carioca se consagrou. Em belo lance, o atacante fez o segundo dele, saiu de campo ovacionado pela torcida e garantiu uma vitória ao time da Rua do Gás, que segue na esperança de estar entre os grandes no Estadual.

Após o apito final, mais reclamações e agora pelo lado do Resende que reclamou da arbitragem pelo excesso de minutos de acréscimos.

 

Goytacaz: Paulo Henrique; Tenente, Cleiton, Edson e Almir; Jefinho e João Vitor; Canhoto (Anderson Oliveira), Gabriel Galhardo (Luquinha) e Rodriguinho; Márcio Carioca. Técnico: Paulo Henrique.

Resende: Arthur; Muriel, Marcelo Costa, Thiago Sales e Murilo; Wagner Carioca (Lohan), Vitinho (Dieguinho) e Gustavo Moura; Pingo, Wandinho e Jhulliam. Técnico: Marcelo Cabo.

 

Escrito por Weliton Labarra

 

Foto: Reprodução/Facebook

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!