Quinta-feira, 13 de julho de 2017 às 0:21 em Novidades
No clássico vovô, atacante Roger garante vitória do Botafogo sobre o Fluminense

No clássico vovô, atacante Roger garante vitória do Botafogo sobre o Fluminense

 

Foram três jogos seguidos sem vencer mas o Botafogo encontrou o caminho da vitória graças ao gol do atacante Roger na primeira etapa ao vencer o Fluminense por 1 a 0, na noite desta quarta-feira (13), em jogo pela décima terceira rodada do Campeonato Brasileiro na volta ao Estádio do Maracanã.

O Glorioso sobe na tabela e chega aos seus 19 pontos na sétima posição onde ultrapassa a equipe das Laranjeiras que ficou com seus 17 pontos, em nono. Na rodada do fim de semana, o Fluminense encara o Coritiba, no domingo (16), fora de casa, enquanto o Botafogo recebe o Sport (PE), na segunda, no Nilton Santos.

 

JOGO

De volta ao Maracanã, o Botafogo enfrentou o Fluminense em clima de paz nos estádios, reforçado por campanha feita entre os clubes. Dentro de campo, o jogo foi leal, limpo, franco e bem disputado, com alernativas ofensivas.

É verdade que o Fluminense começou melhor. Com intensidade e velocidade, levou perigo em chutes de Wellington e Lucas, que desviaram e saíram. Porém, o Botafogo não tardou a equilibrar as ações e sair para o jogo. Aos 6 minutos, Pimpão bateu cruzado e Julio Cesar pegou. Aos 8, Marcos Vinicius teve sobra na área, de frente, soltou a bomba e o goleiro tricolor fez um milagre.

A alternância de lances ofensivos prosseguiu. Rabello fez um corte providencial na pequena áarea, Pedro entrou livre pela direita e bateu cruzado para fora; do outro lado, Marcos Vinicius esteve muito perto de marcar. Primeiro, driblou na frente da área e arriscou um belo chute, que explodiu na trave. Aos 34, recebeu de Pimpão e pegou firme de esquerda, Julio Cesar evitou o gol.

Nesse momento do jogo, o Botafogo era bastante superior. O suficiente para abrir o placar. Aos 38, João Paulo cobrou escanteio da direita e Roger subiu bonito para marcar de cabeça! Fluminense 0 x 1 Botafogo!

Em desvantagem, o rival voltou a buscar o ataque. Aos 41, Mascarenha arriscou de esquerda, sobre o gol. Aos 44, Gustavo Scarpa enfileirou e bateu bonito, em curva, por cima.

No segundo tempo, era de se esperar pressão do Fluminense. No entanto, o Botafogo se manteve organizado e bem protegido defensivo, dando poucas chances. E ainda ameaçava, como em cobrança de falta de Victor Luis para fora e dividida de Roger com Julio Cesar, que ficou com a bola.

O jogo pegou fogo na reta final. Aos 32, Matheus Alessandro acertou a trave, em cabeçada quase na pequena área. Aos 36, Scarpa bateu falta com categoria, Jefferson voou e fez grande defesa. O Botafogo poderia ter matada a partida, quando Guilherme invadiu a área, cortou e mandou uma bomba na trave. Na volta, Rodrigo Pimpão mandou para a rede, mas a arbitragem apontou uma falta de Camilo.

No fim, o Botafogo soube segurar o placar e garantir mais uma vitória importante!

 

Fluminense: Júlio César; Lucas, Reginaldo, Henrique e Mascarenhas (Matheus Alessandro); Orejuela, Wendel e Gustavo Scarpa; Wellington Silva (Lucas Fernandes), Richarlison e Pedro (Calazans). Técnico: Abel Braga.

Botafogo: Jefferson; Arnaldo, Joel carli, Igor Rabello e Victor Luís; Rodrigo Lindoso, Matheus Fernandes (Fernandes), João Paulo e Marcos Vinícius (Camilo); Rodrigo Pimpão e Roger (Guilherme). Técnico: Jair Ventura.

 

Escrito por Weliton Labarra e Ascom Botafogo

 

Foto: Nelson Perez / Fluminense

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!